quarta-feira, setembro 03, 2008

Os papéis de Luc.

Ao longo da minha vida, vou guardando pequenos papeis que nunca sei como organizar ou sistematizar. Em geral vou deixando-os pela casa, em diferentes gavetas. Por vezes tropeço com um sorriso nas minhas próprias memórias e constato a sua inutilidade.

Esta tarde deito fora vários papeluchos, onde guardo várias coisas.
O endereço de correio electrónico do Nelson, que com grande simpatia tratou de me ir buscar e levar ao aeroporto.
O endereço electrónico do Félix que me impressionou pela sua cultura, boa disposição e espírito mordaz. E que me recebeu de forma inesquecível em sua casa.
E finalmente um cartão de visita kitsch mas belíssimo. Por cima de uma paisagem de praia tropical, com palmeiras e águas cristalinas, Aidita anuncia: «Se rentam habitaciones con todo o tipo de confort, con aire acondicionado, agua frie y caliente. Telf (53-7) 832 1392». Sigam o meu conselho: é um bom sítio para se ficar em Havana e não é por nada do que é anunciado.

E agora, com algum pesar, tudo isto vai para o ecoponto azul.

Photobucket
| malecon | havana | cuba | abril 2008 |

2 comentários:

maria disse...

É isso mesmo que eu penso, deixas as coisas à espera do tempo do teu tempo, espero e desejo que um dia juntes todas os teus pequenos papeis, juntes as "pontas" e faças uma linda história que muito vou gostar de ler.

Essa cabecinha não pára só precisas de ser metódico e construir o teu enredo.... tipo "querida Deolinda" vá lá começa a escrever essa história

cremilde disse...

É isso mesmo que eu penso, deixas as coisas à espera do tempo do teu tempo, espero e desejo que um dia juntes todas os teus pequenos papeis, juntes as "pontas" e faças uma linda história que muito vou gostar de ler.

Essa cabecinha não pára só precisas de ser metódico e construir o teu enredo.... tipo "querida Deolinda" vá lá começa a escrever essa história