domingo, junho 04, 2006

Cometi uma gralha*

...eu acho que essa "lógica" de reduzir o modo de pensar ao método da coerência [e não da contradição] é uma conquista da humanidade. Sem fazer grandes considerações sobre ciência e pensamento, pensando em coisas mais "simples", penso que é essa a lógica da palavra, da língua e da escrita. É a lógica da coerência dos signos entre um grupo de seres humanos. O pensamento humano é para mim materialmente (e portanto de forma não sujeita a subjectividades) necessariamente coerente. A língua impõe as fronteiras do pensamento. Não podes sonhar com conceitos que não conheces e por isso mesmo os sonhos são coerentes! Por essa razão te digo que coerência e pensamento são uma e a mesma coisa. Não creio que seja uma coisa europeia ou seja lá o que for. É algo humano.

*Imagino que não te tenhas apercebido de imediato.


| The XY Project | Porto | Maio 2006 |

1 comentário:

leandroribeiro disse...

"Pensamento e coerência são uma e a mesma coisa"

Horrível, João :)